Revalida 2021 – cronograma, como funciona, requisitos e inscrições

O Revalida é um Exame Nacional de Revalidação de Diplomas de Medicina para médicos com formação acadêmica no exterior que desejam exercer a medicina no Brasil, este exame foi criado pelo Ministério da Saúde e da Educação, com o objetivo de validar o conhecimento acadêmico destes médicos na área de medicina.

O revalida teve sua primeira edição em 2010, e oficializado em 2011. O médico estrangeiro que pretende exercer a medicina no Brasil,deve participar do exame de revalidação do diploma.

O médico de qualquer nacionalidade formado no exterior precisa ser aprovado no exame revalida para exercer a medicina no Brasil, até que a aprovação aconteça o médico não poderá exercer a medicina no Brasil de forma legal.

Como Funciona o Revalida?

revalida 2021 e médico
Como funciona?

O Revalida tem por objetivo permitir que médicos estrangeirospossam exercer sua profissão no Brasil da mesma forma que os médicos brasileiros. No exame revalida é avaliado a língua portuguesa, as habilidades e competências médicas desse profissional.

Mas porque isso? Toda estrutura curricular de qualquer universidade ou faculdade é feita conforme as necessidades do país. Desta forma o Ministério de Saúde brasileiro é o responsável por avaliar se médicos formados no exterior estão aptos para atuar na área da saúde brasileira.

Após aprovação no revalida o médico estará habilitado para atuar na rede SUS (Sistema Único de Saúde) do governo Federal ou na rede particular de qualquer Estado brasileiro.

Avaliação revalida 2021

provas revalida 2021

A avaliação é construída com base nas exigências formuladas pelas as universidades brasileiras,para que fiquem condizentes com a formação universitária médica nacional.

A prova é dividida em duas fases:

  • Primeira fase: Nessa fase o profissional faz uma prova escrita, que possui questões de múltiplas escolhas e discursivas. É cobrado conteúdo de clínica, cirurgia geral, saúde pública e medicina da família.

A pontuação mínima é de 56 pontos de 100, caso atinja a pontuação mínima, o profissional de medicina poderá executar a segunda fase.

  • Segunda Fase: Nessa fase são avaliadas as habilidades do profissional na clínica, mas agora o profissional deve mostrar seu conhecimento de maneira prática.

Essas duas fases avaliam a forma como o médico se comunica, seu raciocínio clínico e a forma que toma as decisões.

O Ministério da educação tem por objetivo fazer o revalida duas vezes ao ano, sendo um exame em cada semestre.

Requisitos para participar do Revalida

medicos brasileiros

O Ministério da Saúde exige alguns requisitos aos profissionais de medicina que queiram participar do exame revalida. Caso não seja atendida as e exigências, não será possível a inscrição do profissional de saúde.

Veja a seguir os requisitos:

  • Apresentar um diploma de origem estrangeira reconhecido naquele país;
  • Ser brasileiro nato ou ser um estrangeiro legal no Brasil;
  • O Diploma deve serautenticado no consulado brasileiro;
  • O profissional deverá apresentar um CPF que seja emitido através da Receita Federal do Brasil;
  • Todos os documentos que forem solicitados pelo sistema de inscrição, deverão ser enviados em formato de imagem.

Inscrição Revalida 2021

Inscrição Revalida 2021
entre na página do revalida inep e inscreva-se na primeira fase

A prova revalida é realizada por profissionais médicos estrangeiros, com o objetivo de reconhecer o diploma do profissional no Conselho Regional de Medicina, para que essesprofissionaispossam ter as mesmasoportunidades para exercer sua profissão, assim como os profissionais formados no Brasil.

Veja a seguir o processo de inscrição do Revalida:

  • Acesse o site pelo endereço eletrônico aqui
  • Clique em Primeira Etapa;
  • Preencha todos os dados que estão sendo solicitados: dados pessoais, dados do diploma, entre outros.

Observação: O revalida é um exame para profissionais que possuem diploma estrangeiro. Para os médicos com formação acadêmica no Brasil não há necessidade da realização do revalida.

A universidade estrangeira precisa ser reconhecida pelo MEC (Ministério da Educação). Caso a universidade não seja reconhecida o profissional não poderá realizar a prova revalida.

Alguns pontos que o Profissional deve se atentar:

  • No momento da inscrição o profissional deverá dizer qual universidade e o local que ele deseja fazer seus exames;
  • O profissional deve se atentar nas documentações exigidas, que são CPF e a cópia do diploma em formato de PDF (formato frente e verso);

Após o cadastro o médico deve:

  • Entrar naárea do participante;
  • Acesse a página do revalida pelos dados GOV.BR;
  • Após concluir o cadastro o participante deve anexar seu diploma pelo site do Revalida.
  • Pronto o participante estará inscrito.

Cronograma revalida 2021

Cronograma revalida 2021

Segundo o edital publicado pelo Inep mec, as datas para inscrições já são confirmadas. E é muito importante que os candidatos não esqueçam o período de inscrição, e não percam a sua inscrição pela internet.

E vamos seguir cronograma do Revalida 2021:

  • O período das inscrições: entre os dias 21 de setembro até 2 de outubro de 2021.
  • Pagamento da taxa de inscrição:o pagamento deverá ser feito entre os dias 21 de setembro até 7 de outubro de 2021.
  • Envio do diploma para Análise: entre os dias 21 de setembro até 2 de outubro de 2021.
  • O resultado da análise do diploma: No dia 9 de outubro de 2021.
  • Início das provas: 6 de dezembro de 2021.
  • Saída dos gabaritos e padrões das respostas: A partir do dia 8 de dezembro a 2021.
  • Recurso dos gabaritos: entre os dias 8 até 14 de dezembro de 2021.
  • Saída do gabarito definitivo: 8 de fevereiro de 2022.
  • Saída dos resultados da prova escrita: 8 de fevereiro de 2022.
  • Recurso do resultado provisório: entre os dias 8 a 12 de fevereiro do ano de 2022.
  • Por ultimo, saída do resultado final da primeira fase dia 5 de março do ano de 2022.

O MEC ou Inep ainda não divulgou o cronograma para a 2° fase do Revalida.

Quem leu este artigo também gostou:

Após a prova como ocorre a revalidação do diploma?

O médico aprovado no Exame Nacional de Revalidação deve encaminhar o seu diploma para a universidade pública escolhida por ele no momento que fazia a inscrição.

Dependendo da especialização que o profissional escolher e que necessite de um estudo mais aprofundado, o mesmo precisa fazer uma especialização no Brasil.

Caso o profissional for aprovado e não precise da formação complementar, o médico deve ir ao Conselho Regional de Medicina e se inscrever para que possa começar a exercer a medicina, estando habilitado para atuar no território brasileiro.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *