coom funciona FIES Mestrado e Doutorado 2021

FIES Mestrado e Doutorado 2021: Como Funciona?

Última atualização em 18 de dezembro de 2020

Os alunos que desejam iniciar ou dar continuidade a sua pós-graduação podem optar por um programa criado para auxiliá-los financeiramente.

O FIES Mestrado e Doutorado 2021 surgiu como elemento de suporte aos alunos que concluíram sua graduação e por algum motivo não conseguiram dar sequência na pós.

Acompanhe neste artigo os detalhes sobre o funcionamento deste programa e como utilizá-lo à seu favor.

O programa FIES Mestrado e Doutorado 2021

um mestrado da univerisidade fazendo pesquisas

O FIES Mestrado e Doutorado 2021 foi introduzido no programa de crédito estudantil em 2007 através da Lei n° 11.552/2007 responsável pela alteração da Lei do FIES, n° 10.260/2001, condicionado a disponibilidade financeira do programa.

Desde esta data as instituições de ensino superior que possuam cursos recomendados pela Capes passaram a integrar o FIES Mestrado e Doutorado.

A nova modalidade do programa passou a abranger aproximadamente 31,6 mil beneficiários com matrículas em mais de 600 cursos de pós-graduação e mestrado oferecidos por aproximadamente 170 instituições de carácter privado.

É importante dizer que o FIES Mestrado e Doutorado não contempla o ensino a distância e alunos que foram contemplados por programas como o Prosup (Programa de Suporte à Pós-Graduação de Instituições de Ensino Particulares).

Como funciona o Fies?

coom funciona FIES Mestrado e Doutorado 2021
Como funciona FIES Mestrado e Doutorado 2021

No início de cada semestre são abertas as inscrições para o FIES aos alunos que desejam ingressar em instituições de ensino superior através do programa de crédito estudantil do Ministério da Educação.

Os alunos contemplados pelo programa recebem apoio do governo federal para arcar com os custos das mensalidade de sua graduação. Ao final do curso o aluno precisa devolver ao governo o valor financiado durante a graduação.

O FIES conta com três diferentes fases divididas conforme o nível de envolvimento do aluno com a dívida ativida.

Durante o curso:

Durante a realização de sua graduação o aluno precisa pagar somente os valores que se referem aos encargos operacionais associados à seu contrato de financiamento. O valor total do seguro de vida que também faz parte do contrato de financiamento também precisa ser realizado durante o período em que o curso é realizado.

Carência e Amortização

Desde 2018 o FIES não possui em seu programa o período de carência, que previa intervalo de até 18 meses para o início de pagamento da dívida.

Desde esta data ao concluir a graduação o aluno já está incluso no período de amortização.

Isto significa dizer que se ao concluir a faculdade o estudante estiver empregado ou for sócio de um empresa, automaticamente as parcelas do financiamento serão descontadas de sua fonte de renda, conforme o cálculo projetado pelo governo federal.

Caso o estudante não possua renda suficiente no momento em que a fase de amortização se inicia, o crédito deverá ser pago através de prestações, mensalmente cobradas, de acordo com o valor mínimo previsto em contrato.

Os valores precisam ser pagos junto às instituições onde o serviço e o crédito foram solicitados.

De acordo com estimativa realizada pelo governo federal, o prazo máximo para pagamento da dívida é de aproximadamente 14 anos.

Processo de inscrição no FIES 2021

inscrições no fies mestrado

O processo de inscrição no FIES é mais complexo que o SISU e Prouni e está dividido em quatro etapas:

  • Pré-seleção: etapa onde o candidato cadastra seu CPF no SisFies (link de acesso aqui), junto com sua data de nascimento, email e senha de acesso ao portal. O candidato receberá no email informado um link para confirmação e na sequência poderá continuar o preenchimento dos dados solicitados, indicando o curso que deseja e a instituição onde pretende cursá-lo;
  • Inscrição: após a divulgação do resultado da pré-seleção o escolhidos devem completar seu cadastro no SisFies informando os dados necessários à contratação do FIES, como dados do fiador, de renda e seus respectivos documentos;
  • Validação: finalizada a inscrição o aluno precisa ir até a instituição onde pretende estudar e validar as informações cadastradas no sistema do FIES na CPSA (Comissão Permanente de Supervisão e Acompanhamento);
  • Contratação: depois de validar as informações o aluno precisa comparecer com seu fiador na agência bancária escolhida no momento do cadastro no SisFies para negociação e formalização da solicitação do crédito estudantil.

Cada etapa possui um prazo específico e a informação é disponibilizada assim que o edital do programa é divulgado.

Processo seletivo do FIES 2021

página inicial novo fies 2021
Processo seletivo do FIES 2021

O processo de seleção do Fies é bem semelhante ao do Sisu e Prouni, mas permite escolher apenas um curso. No painel de vagas disponíveis o aluno pode utilizar filtros por localidade, curso, turno e instituição, encontrada a vaga mais adequada à seu perfil.

No período de inscrição o aluno consegue acessar as notas de corte, que são atualizadas diariamente, e tem a opção de mudar o curso selecionado antes do encerramento do prazo disponibilizado para as inscrições.

Leia também:

Cálculo da nota de corte

O cálculo da nota de corte cada curso é realizado considerando o número de vagas disponíveis e a nota de candidatos inscritos que não sejam graduados. O SisFies organiza os estudantes na ordem em que seriam escolhidos e define a menor nota necessária para estar no grupo de possíveis cotados para aquela data e determinada turno e modalidade.

A nota de corte apresenta contínua variação, impedindo uma estimativa exata. Porém utilizando um média das notas de corte finais de anos anteriores é possível estabelecer uma referência.

Classificação dos candidatos

A ordem dos candidatos é estabelecida de acordo com a nota obtida no Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), considerando a pontuação média obtida nas provas objetivas e na redação.

Candidatos não graduados têm preferência na classificação, e se algumas vagas não forem preenchidas os candidatos que já possuem uma graduação são escolhidos.

Critérios de desempate

Para os casos de empate entre dois ou mais candidatos, considerando a nota no momento da classificação, o sistema seleciona aquele que obteve maior nota na redação. Se o empate permanecer são consideradas as maiores notas nas demais matérias da seguinte forma:

  • Linguagens;
  • Matemática;
  • Ciências da Natureza;
  • Ciências Humanas.

O candidato não graduado tem a preferência sobre o não graduado para efeitos de desempate, independente da nota conquista no Enem.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *